Posts Marcados Com: Peru com criança

Peru com crianças – Cusco (conhecendo a cidade)

No nosso primeiro dia em Cusco, era feriado de Corpus Christi e a cidade estava em festa. Claro que também estava LOTADA! A Plaza de Armas mal dava para enxergar além da multidão. Por isso, deixamos para conhecê-la depois.

Plaza de Armas, Cusco, Peru

Mal dava para ver a Plaza de Armas

Plaza de Armas, Cusco, Peru

Multidão em Cusco

Cusco era a capital do império inca, que dominou a região por dois séculos. Atualmente, é a capital turística do Peru, recebendo milhares de pessoas de todas as partes do mundo. A arquitetura traz uma mescla de características espanholas do período colonial juntamente com elementos incas. As ruas estreitas ainda de pedras conferem um charme pitoresco à cidade, que foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1983. A Plaza de Armas é LINDA!! A fachada renascentista da imponente Catedral ao lado da também bela Iglesia de La Compañia ganha destaque na paisagem cercada pelas montanhas andinas. Quando finalmente conseguimos caminhar pela Plaza de Armas depois do feriado, pudemos contemplar toda a beleza do local.

Catedral e Iglesia de la Compañia na Plaza de Armas de Cusco

 Plaza de Armas de Cusco

Plaza de Armas, Cusco, Peru

Plaza de Armas

Monumento no centro da Plaza de Armas, Cusco, Peru

Monumento no centro da Plaza de Armas

A Plaza de Armas era usada pelos incas para cerimônias e festivais, como o Festival do Sol, conhecido como Inti Raymi, que ocorre na cidade todos os anos. Antigamente, essa festa era realizada na Plaza de Armas, mas agora ocorre na área do Sacsayhuamán, uma antiga fortaleza inca nos arredores de Cusco. Quando fizemos o City Tour, vimos as montagens da estrutura do festival.

Estavam montando o local que ocorre a festa

Estavam montando o local que ocorre a festa

A Plaza de Armas também foi palco de vários fatos históricos como a reivindicação de Cusco para a Espanha por Francisco Pizarro, ou a decapitação de Túpac Amaru, o líder da resistência indígena. A praça é extremamente bem cuidada e limpa, com grama verde e canteiros floridos, mantendo o patrimônio histórico conservado.

Plaza de Armas, Cusco, Peru Plaza de Armas, Cusco, Peru

Ao redor da Plaza de Armas, podemos encontrar diversas lojas (artesanato, roupa, prataria), agências de viagens, restaurantes, fast foods (há um Bembos, famosa rede de fast food no país, e um McDonalds). É também da Plaza de Armas que saem os ônibus turístico de 2 andares, mas nós não chegamos a fazer.

Aproveitamos que a Catedral estava aberta e fomos conhecê-la. A obra da igreja durou praticamente 100 anos, sendo feita de granito vermelho trazido da fortaleza de Sacsayhuamán. O interior da Catedral é deslumbrante, com ouro e prata coloniais e obras da Escola de Arte de Cusco. Ainda pelas festividades de Corpus Christi, a Catedral estava repleta de enormes imagens dos santos católicos, mas o interessante era que todos são customizados segundo a cultura local. 

Catedral, Cusco, Peru Catedral, Cusco, Peru Catedral, Cusco, Peru

Cusco é uma cidade bem maior do que havíamos imaginado, mas a parte turística não é tão grande e dá para conhecer praticamente tudo caminhando. Próximo à Plaza de Armas, encontram-se alguns museus (cujas entradas estão incluídas no Boleto Turístico Integral):

Museo Municipal de Arte Contemporáneo: aberto de segunda a sábado, das 9 às 18h.

Museo Histórico Regional: de segunda a domingo, das 8 às 17h.

Descendo pela Avenida Sol, a principal rua do Centro Histórico, encontramos, além de restaurantes, farmácias, casas de câmbio e etc, a Municipalidad de Cusco, dentro da qual fica a COSITUC Central, onde podemos comprar os Boletos Turísticos.

Avenida Sol, Cusco, Peru

Avenida Sol, Cusco

Boleto Turístico Cusco  Cusco, Peru

Ao lado da COSITUC, dentro do mesmo prédio, está o Museo de Arte Popular (segunda a domingo, 9 às 18h), um dos únicos que fomos autorizados a tirar foto.

Museo de Arte Popular, Cusco, PeruMuseo de Arte Popular, Cusco, Peru Museo de Arte Popular, Cusco, Peru

Seguindo pela Av Sol, chegamos ao gramado do Qorikancha, o Templo do Sol. Nós visitamos o interior do Templo durante o City Tour. Com entrada pela Av Sol há uma descida para o Museo de Sítio del Qorikancha, que funciona de segunda a domingo, das 9 às 18h. A visita ao museu está incluída no Boleto Turístico, já a visita ao Templo não está, sendo preciso pagar um boleto próprio no valor de 10 soles.

Museu de Sítio del Qorikancha, Cusco, Peru

Museu de Sítio del Qorikancha

Do outro lado da avenida, próximo ao Qorikancha, fica o Museo Qosqo de Arte Nativo, que funciona de segunda a domingo, mas apenas das 18:30 às 20h. Não chegamos a visitar.

Centro Qosqo de Arte Nativo, Cusco, Peru

Outro grande atrativo da Av Sol são os Mercados Artesanais. Passamos por vários enquanto caminhávamos.

Caminhando pela Av Sol, Cusco, Peru

Caminhando pela Av Sol

Painel da Av Sol, Cusco, Peru

Painel na Av Sol

Cusco, Peru

Um dos Mercados de Artesanato de Cusco

Artesanato de Cusco, Cusco, Peru

Artesanato de Cusco

Resolvemos seguir até o final da avenida e ir ao Centro Artesanal de Cusco, que é maior e fica bem em frente a uma pracinha com uma grande cascata de água (não tem como não encontrar).

Cusco, Peru Cusco, Peru Centro Artesanal de Cusco, Peru Centro Artesanal de Cusco, Peru

O ideal seria deixar quatro dias para essa viagem. Um para se dedicar apenas ao Centro Histórico de Cusco, seus museus, seu artesanato, sua Plaza de Armas. Outro para fazer o City Tour conhecendo os sítios arqueológicos ao redor da cidade (o que fizemos durou uma tarde, mas não fomos a todos os sítios e não conhecemos, por exemplo, Moray e Tipón). Um terceiro, para o Vale Sagrado, com a possibilidade de seguir para Aguas Calientes ao final do dia partindo de Ollantaytambo. E o último (que eu realmente recomendo que fique por último para que todo o resto não acabe meio sem graça) o clímax Machu Picchu. Falamos sobre cada um separadamente em posts específicos para detalhar bastante.

Cusco, Peru com crianças

Cusco

 
 
 
 
(Facebook   Twitter   Instagram)
 
 
 

______________________________________________

Posts relacionados:

Peru com crianças – Conhecendo a cidade de Puno

Peru com crianças – Lago Titicaca (tour pelas ilhas Uros e Taquile)

Peru com crianças – Arequipa (Monastério de Santa Catalina)

Roteiro – 9 dias no Peru com crianças (Arequipa, Puno, Cusco, Machu Picchu)

Circuito Mágico de las Aguas no Parque de la Reserva em Lima

Anúncios
Categorias: Cusco, Peru, Viajando | Tags: , , , , , , , | Deixe um comentário

Peru com crianças – Machu Picchu, parte 2: como chegar

Quando estava pesquisando sobre Machu Picchu, achava todo o processo de deslocamento meio confuso. Mas a verdade é que é bem mais simples do que aparenta. Resumindo:

1 – chegada a Lima

2 – ida para Cusco

3 – trem de Cusco, ou Ollantaytambo, para Aguas Calientes

4 – ônibus, ou caminhada, para entrada de Machu Picchu

Basicamente, são esses quatro passos, mas há também a trilha inca, que é sempre muito procurada. Não foi o nosso caso, então não temos nada a falar sobre ela.

Por outro lado, as formas de fazer esses quatro passos podem ser as mais variadas possíveis…

Tem gente que chega a Cusco de avião vindo de Lima ou de outras cidades do Peru. Nós chegamos de trem vindo de Puno.

Trem Puno para Cusco, Peru com crianças

Tem quem pegue o trem para Aguas Calientes ao final do tour pelo Vale Sagrado na estação de Ollantaytambo, ou quem saia direto de Cusco na estação de Poroy. Ou seja, tem aquele que prefere pernoitar em Aguas Calientes e subir para Machu Picchu bem cedo no dia seguinte; e outro que pega o trem de Cusco para Aguas Calientes de manhã e vai direto para Machu Picchu no mesmo dia.

De Aguas Calientes para a entrada de Machu Picchu há um sistema de ônibus que circulam intermitentemente durante o dia. A viagem dura cerca de 20 minutos. A venda dos tickets é direto no local. Quando chegamos no dia anterior à noite, já estava fechado, de forma que o marido acordou mais cedo e foi comprar nossos tickets. As vendas começam a partir das 5:30 da manhã. Quando ele saiu para comprar, a fila para pegar os ônibus já estava ENORME. Muita gente vai para fila ainda de madrugada para chegar a Machu Picchu bem cedo e aproveitar o local mais vazio de turistas, além de assistir ao nascer do sol.

Para embarcar no ônibus, é necessário, além das passagens, o ticket de entrada a Machu Picchu. Eles pedem para verificar esses tickets antes do embarque para ter certeza de que todos estão de posse dos ingressos. Na entrada de Machu Picchu não é possível comprar esses tickets. O último local de venda é em Aguas Calientes, mas o ideal é garantir com antecedência porque as entradas são limitadas a 2500 pessoas por dia (400 para quem vai subir à montanha Waynapicchu).

Onde comprar os tickets do ônibus para Machu Picchu

Onde comprar os tickets do ônibus

Aguas Calientes, Peru

Aguas Calientes

Enfim, as combinações de deslocamento para Machu Picchu são diversas e todas vão dar certo de acordo com as características e objetivos do viajante e de seu grupo. No caso de quem viaja com criança, acredito que a forma que fizemos foi a mais prática. Fomos para Aguas Calientes após o tour do Vale Sagrado, pegando o trem em Ollantaytambo. Tivemos uma noite tranquila em Aguas Calientes, pudemos pegar o ônibus para Machu Picchu ainda cedo no dia seguinte, embora não saímos de madrugada, até porque era um tanto de judiação com os meninos acordá-los às 4h e levá-los para uma fila num frio intenso. Optamos por sair umas 7:00 (já estávamos com os tickets do ônibus de ida e volta garantidos, pois o marido foi comprar às 5:30), pegamos a fila do ônibus bem menor do que às 5h da manhã e ainda chegamos cedo a Machu Picchu.

Aproveitamos a manhã sem correria, ficando cerca de 5 horas em Machu Picchu, o que, com crianças, é suficiente, e retornamos para almoçar em Aguas Calientes antes de pegarmos o trem de volta para Cusco à tarde, chegando no início da noite.

No próximo post, vamos falar especificamente sobre esse lugar mágico chamado Machu Picchu.

Machu Picchu com criança, Peru

 
 
(Facebook   Twitter   Instagram)

_______________________________________

Posts relacionados:

Hostel em Cusco (Los Áticos)

Peru com crianças – Cusco (Boleto Turístico)

Peru com crianças – Cusco (City Tour)

Peru com crianças – Tour pelo Vale Sagrado dos Incas

Peru com crianças – Machu Picchu, parte 1: de Ollanta para Aguas Calientes

Categorias: Machu Picchu, Peru, Viajando | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: