Posts Marcados Com: America Museum od Natural History

Chicago – The Field Museum

Quando se diz que não falta o que fazer em Chicago, acredite que está bem longe de ser exagero. Mas não é apenas a quantidade que se destaca. A qualidade de cada atração da cidade é impressionante, desde as obras de arte nas ruas a um museu de história natural grandioso como o The Field Museum, mais um componente do Museum Campus, juntamente com o Adler Planetarium e o Shedd Aquarium.

The-Field-Museum15

O museu surgiu em decorrência do World’s Columbian Exposition, que ocorreu em Chicago em 1893. Inicialmente, foi nomeado de Columbian Museum of Chicago para só em 1905 receber o nome de Field Museum of Natural History, em homenagem a Marshal Field. Seu prédio atual, em estilo neoclássico, só foi inaugurado em 1921, após seis anos de construção. Com três andares divididos em várias galerias que abrigam exposições permanentes e temporárias, o The Field Museum conta com mais de 24 milhões de artefatos.

The Field Museum Chicago

Já na bilheteria, é preciso escolher os horários de algumas exibições e do filme 3D. Nós tínhamos duas opções de filmes para assistir, o Titans of Ice Age e o Walking of T-Rex: Story of Sue. Escolhemos o último exatamente para conhecer a história desse dinossauro chamado Sue, cujos fósseis se encontram no lobby do museu e é o maior, mais bem preservado e mais completo T-Rex já descoberto.

Sue no The Field Museum Chicago

Sue

Com 4 metros de altura, apenas o crânio é réplica, pois o fóssil da cabeça original era muito pesado e teve que ser exposto em outro local.

The Field Museum Chicago

Fóssil da cabeça do T-Rex Sue

O Field não é um museu interativo e as exposições são visuais, mas mesmo assim é possível passar um dia inteiro lá dentro para ver tudo. Nós percorremos praticamente todas as galerias, porém em algumas passamos mais rápido do que em outras. Dentre as que mais gostamos, especialmente as crianças, podemos citar:

Evolving Planet

Claro, não podiam faltar os bons e velhos dinossauros. Nessa galeria vamos percorrendo cronologicamente a evolução do planeta por 4 bilhões de anos, começando com os organismos unicelulares, passando pelos dinossauros, até chegar ao ser humano. Além dos fósseis originais, é uma área que agrada as crianças porque possui algumas opções interativas.

The Field Museum Chicago The Field Museum Chicago The Field Museum Chicago

Inside Ancient Egypt

Com sarcófagos e diversas múmias, nessa área conhecemos mais sobre os segredos do Egito. Inicialmente, as crianças tiveram um pouco de receio das múmias, mas não deixaram de entrar e olhar tudo.

The Field Museum Chicago

Mammals of Africa, Mammals of Asia, Africa e World of Mammals

São galerias com exposição de animais diversos e seus habitats. Nada de muito diferente do que há em tantos museus de história natural.

The Field Museum Chicago The Field Museum Chicago

PlayLab

Voltado para crianças menores de 6 anos, nós nem chegamos a entrar, mas é bom saber que existe essa opção para divertir as crianças menores. Funciona das 10h às 15h.

Existem várias outras exposições, além das temporárias que mudam regularmente.

The Field Museum Chicago The Field Museum Chicago

Como o The Field foi nossa última atração dessa viagem que durou 18 dias percorrendo os EUA de norte a sul, o cansaço já estava grande, e a paciência pequena. Dessa forma, exploramos o museu todo, mas o ânimo já não era o mesmo. Isso não significa que seja ruim ou que não nos divertimos, apenas que passamos mais superficialmente em algumas partes, até porque o museu é enorme e muito variado, embora nada de muito diferente do que já havíamos visto em outros museus.

The Field Museum ChicagoThe Field Museum Chicago

Localização: 1400 South Lake Shore Drive

Horário de Funcionamento: diariamente das 9h às 17h (última entrada às 16h).

Ingresso: adulto – 31U$;

  criança (3 a 11 anos) – 21U$

– Faz parte do CityPASS


(Facebook   Twitter   Instagram)
 
 
 

______________________________________________

Posts relacionados:

Chicago – Jogo de basquete (NBA) no United Center

Chicago – Museum of Science and Industry

Chicago das alturas – 360ºChicago e Skydeck

Chicago – caminhando por Downtown (Millennium Park e The Loop)

Chicago – Lincoln Park Zoo

Anúncios
Categorias: Chicago, EUA, Viajando | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

American Museum of Natural History, New York

Era nosso último dia de viagem e à noite sairia nosso voo de volta para o Brasil. No roteiro original, tínhamos dois objetivos programados, o Museu de História Natural e o Museu Metropolitano. Ambos estavam incluídos no CityPASS, portanto já pagos. A ideia era fazer o passeio por um, atravessar o Central Park, e ir no outro, já que eles ficam praticamente na mesma altura em lados opostos do Central Park. Depois voltaríamos para o Milford Plaza para pegar as malas e o Super Shuttle que nos levaria para o aeroporto e já estava agendado para 17:30. Tudo planejado? Mas os imprevistos acontecem e mais uma vez é o momento de ter flexibilidade e ajustar os planejamentos.

Resolvemos fazer o check-out do hotel para não sermos cobrados por mais uma diária. Acordamos cedo para agilizar tudo, as malas já estavam prontas, todos arrumados, mas o hotel estava muito movimentado e o processo de check-out não foi dos mais rápidos. Ainda tínhamos que descer toda a bagagem (que era muita) e deixar no guarda-volumes do hotel. Solicitamos ajuda para descer as malas, esperamos, esperamos, esperamos, e nada. Acabamos tendo que nos virar sozinhos. Isso também levou um bom tempo e ainda tinham as crianças para ficar de olho. O Milford guarda as malas, mas cobra uma taxa por volume deixado. Quando finalmente o check-out estava finalizado e as malas devidamente identificadas e guardadas, já eram mais de 11 horas da manhã. Não daria tempo de ir nos dois museus e tivemos que optar por um. Ficamos naquele conflito, até porque já tínhamos visitado o Museu de História Natural de Washington e pensamos em ir ao Met. Mas priorizando as crianças, e optamos mesmo pelo Americam Museum of Natural History e foi a melhor coisa que fizemos no sentido de que os meninos se divertiram muito. Entretanto, como não podia deixar de ser, estava LOTADO! E foi um verdadeiro jogo de paciência.

A frente do AMNH New York

A frente do AMNH

Fomos de metrô, a partir do Port Authority, linha C, até Museu de História Natural na 81st Street. Tem uma entrada para o museu direto pelo subsolo na saída do metrô. Só que a fila era tão monstruosa que nem conseguíamos identificar onde terminava. Tínhamos o CityPASS (os adultos), porém, no AMNH, criança paga entrada a partir de 2 anos. O preço da admissão geral do museu é sugerido (sem o planetário ou IMAX, que é cobrado uma taxa fixa). Era tanta gente, mas tanta gente naquele lugar, que não fizeram questão alguma da entrada dos meus filhos. Entretanto, acabamos não visitando o Rose Center nem fomos no Hayden Planetarium, que estava reservando horário e só havia disponível para depois das 16h. Na verdade, esse passeio foi mais para dizer que fomos, mas sem dúvida precisaremos voltar para conhecer com calma e sem tanta muvuca.

Americam Museum of Natural History New York

Onde está Wally?

America Museum of Natural History America Museum of Natural History

O AMNH é enorme, ocupando 4 quarteirões. Fundado em 1869, ele possui mais de 30 milhões de espécies e artefatos em 45 salões de exposições permanentes. Ocorrem também exposições temporárias que exploram assuntos culturais e científicos contemporâneos. Além disso, o museu atua no campo de pesquisas científicas, buscando a compreensão das culturas humanas, da natureza e do universo; e no campo da educação, divulgando informações de assuntos científicos para adultos e crianças (fonte: site do AMNH, link).

O setor que mais fez sucesso com os meninos foi o dos dinossauros. Não saberei descrever qual foi o percurso exato que fizemos, e sequer conseguimos visitar o museu todo, simplesmente porque eu mal conseguia me localizar ali dentro. Éramos meio que levados pelo fluxo de pessoas e resolvemos curtir do jeito que desse.

America Museum of Natural History Nova Iorque America Museum of Natural History America Museum of Natural History New York

O museu tem 5 andares. O andar do subsolo é o que tem a entrada direto pela estação do metrô. Nesse nível, fica a praça de alimentação e o Salão do Universo. No primeiro andar, dentre todos os salões, os que mais gostamos foram: o dos mamíferos da América do Norte, que é impressionante o trabalho feito no habitat desses animais e a pintura de fundo, que é uma verdadeira obra de arte dando uma tremenda sensação de profundidade como se víssemos o horizonte; o da vida marinha, com as enormes baleias; e o salão dos meteoritos. Os meninos também gostaram bastante da parte dos indígenas e da evolução humana. É também nesse andar que fica a sala do cinema IMAX.

America Museum of Natural History

Prestando atenção em tudo

American Museum of Natural History

Salão dos Indígenas

Já no segundo andar, vimos os mamíferos africanos e os mamíferos asiáticos com a mesma perfeição de ambientação já citada, e as diferentes características dos povos asiáticos, africanos, da América Central e da América do Sul. Nesse andar, o que mais chamou atenção das crianças foi a parte das aves mamíferas. É nesse andar que fica o Hayden Big Bang Theater, que é um teatro bem diferente onde as pessoas precisam olhar para baixo para um tela côncava onde passa uma apresentação sobre o Big Bang. Infelizmente, nós não conseguimos assistir.

Americam Museum of Natural History New York America Museum of Natural History

Americam Museum of Natural History New York

No terceiro andar, temos mais de mamíferos africanos, mas a diversão das crianças foi no salão dos primatas. Nesse andar também encontramos exposição de pássaros, povos indígenas, répteis e anfíbios.

America Museum of Natural History

Meus macaquinhos!

America Museum of Natural History

Adoraram o salão dos primatas

O quarto e último andar é exatamente pelo qual recomendo começar a visita, pois é onde estão os dinossauros que a garotada adora.

Americam Museum of Natural History New York America Museum of Natural History America Museum of Natural History America Museum of Natural History America Museum of Natural History

Resumindo, é um passeio maravilhoso para fazer com criança em New York. Meus filhos se divertiram muito, brincaram e aprenderam. Dá para ficar facilmente um dia inteiro ali dentro, pois mal vimos as horas passarem e ainda deixamos de visitar muitas coisas ou passamos rápido por outras. Saímos do museu já mais de 15h e nem havíamos almoçado. Logo atrás do AMNH, na esquina da Columbus Ave com a 77th Street, tem uma Shack Shake, e fomos comer algo antes de voltar para o hotel. Foi o tempo certinho de pegar as malas e o Super Shuttle chegar para nos levar ao aeroporto. Era o fim dessa inesquecível viagem em família.

Veja também os vídeos:

New York (parte 1)

New York (parte 2)

FIM!

FIM!

 
 
(Nos acompanhem também noFacebook      Twitter      Instagram)
 
_______________________________________________________________________________

Posts relacionados:

Circle Line Cruise – Passeio de Barco em NYC

Washington D.C. – um bate e volta de trem a partir de Nova York

Roteiro – 6 dias em Nova York e 1 dia em Washington D.C.

Rockefeller Center e Top of the Rock

Viajando – Post-índice

Categorias: EUA, Nova York, Viajando | Tags: , , , , , , , , | 1 Comentário

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: