Peru

Conhecendo Callao, a cidade portuária vizinha a Lima

Mais uma vez recorremos a empresa Mirabus para fazer o tour em ônibus panorâmico pela cidade de Callao, coladinha em Lima. Esse passeio está disponível apenas aos domingos, saindo do Parque Kennedy às 10:15h. Adultos pagam 90 soles e crianças de 4 a 10 anos, 70 soles. O almoço executivo no Centro Naval del Peru e as entradas para a Fortaleza del Real Felipe, o Museo Naval e o Submarino Abtao estão incluídos no valor. Ao todo, o passeio dura cerca de sete horas. A empresa Turibus, que sai do Larcomar, possui um tour semelhante.

O percurso até Callao dura entre 45 min a 1 hora, dependendo do trânsito. Como a parte de cima do ônibus é descoberta, não custa lembrar a importância de estar bem agasalhado porque o vento frio é cruel. Fomos em Setembro, mas também não se deve esquecer do protetor solar, mesmo no inverno, porque em Callao estava um sol brilhante e chegamos até a pegar um bronze.

A primeira parada do ônibus é na Fortaleza del Real Felipe, uma das maiores já construídas pelos espanhóis no século 18. Recebeu esse nome em homenagem ao primeiro rei Bourbon, o Felipe V.

Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru

Nós circulamos a pé o interior de toda a fortaleza acompanhados por um guia local, que vai explicando os detalhes históricos. Seu formato pentagonal visava a defesa contra ataques de piratas e a fortaleza foi a última resistência das forças espanholas no Peru. Podemos encontrar alguns canhões de bronze e ferro ao longo da caminhada, além de tanques militares.

Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Callao Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru

Entramos na Casa do Governador, onde há exposição de objetos, uniformes, bustos, entre outros. Assistimos a uma apresentação liderada por ninguém menos que um pirata. Os meninos adoraram. É até engraçado, mas um pouco longo demais, e como ficamos todos em pé pode acabar sendo cansativo.

Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Callao Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Callao Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru

Por último, subimos na Torre do Rei, de onde temos uma boa vista do Porto de Callao, da cidade, e do oceano. A subida pode ser por escada ou rampa.

Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru Callao Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru

Do topo da torre podemos avistar duas ilhas, a San Lorenzo e a El Frontón. A San Lorenzo é a maior ilha do Peru e serviu de covil de piratas no período colonial. Já a El Frontón foi uma prisão política e depois uma cadeia para prisioneiros comuns. Ainda perto de Callao, está a ilha Palomino que é muito visitada por turistas devido à presença dos leões-marinhos que habitam a ilha. Passeios de barco para a ilha partem de Callao. Não chegamos a conhecer.

Ilhas ao fundo, Fortaleza del Real Felipe, Callao, Peru

Ilhas ao fundo

Depois de muita caminhada na fortaleza, retornamos para o ônibus que dá uma volta pela cidade antes de seguir para o Centro Naval del Peru, onde almoçamos.

Callao, Peru Callao, Peru Callao, Peru

O esquema é de almoço executivo, com o menu já definido. Primeiro serviram uma salada de folhas com frango desfiado, seguido por frango grelhado com arroz e vegetais cozidos. De sobremesa, um pedaço de pudim de leite. De bebida, suco de limão. A comida, apesar de simples, era gostosa. Ao menos quebrou o galho.

Após o almoço, fomos para o Museo Naval, que fica bem ao lado do Centro Naval. Nesse museu encontramos instrumentos de navegação, documentos históricos, pinturas, uniformes, objetos da Guerra do Pacífico, entre outras coisas. O que os meninos mais curtiram foram as miniaturas de navios de diferentes épocas.

Museo Naval, Callao, Peru

Adoraram os barcos

Museo Naval, Callao, Peru

Os meninos prestavam atenção em todas as explicações da guia

Museo Naval, Callao, Peru Museo Naval, Callao, Peru

Museo Naval, Callao, Peru Museo Naval, Callao, Peru

Depois do museu, foi só atravessar a rua e caminhar alguns metros para chegarmos ao Submarino Abtao. Primeiro assistimos a um vídeo, que tem duração de 12 minutos, numa salinha que imita um submarino. Em seguida, nos dirigimos para o Abtao.

Submarino Abtao, Callao, Peru

Eu nunca tinha entrado num submarino e estava com receio porque já comentei várias vezes em posts aqui no blog que tenho uma certa tendência claustrofóbica. Não me sinto nada bem em lugares apertados e não aguento ficar muito tempo. Até hoje não vivi uma situação que realmente desencadeasse um pânico, mas estive próximo a isso ao descer numa das galerias subterrâneas quando visitamos o Chavín de Huantár. Então, estava sem saber como iria reagir. Na hora que vi o túnel apertado por onde se desce, pensei em desistir. Mas o Matheus viu a minha reação e também ficou com medo. Como eu não queria passar isso para ele, nem queria que ele deixasse de viver essa experiência, respirei fundo, me fiz de forte para dar confiança para ele descer, e desci também.

Submarino Abtao, Callao, Peru

Pior é passar por esse espaço apertado para descer

E, para minha surpresa, o aperto da descida não se concretizou lá embaixo. Até que não era tão apertado assim. Dava para ficar em pé com bastante folga, havia espaço suficiente para não me sentir enterrada viva. Portanto, foi bem tranquilo. Em comprimento, também fiquei surpreendida ao ver que era bem maior do que imaginava. No fim, curtimos muito e foi uma experiência bem diferente para as crianças. Pudemos ver como são os banheiros, onde a tripulação dorme, como cozinham, onde comem, as salas de comando, e até olhamos no periscópio. Toda a visita é acompanhada por um guia.

Submarino Abtao, Callao, Peru Submarino Abtao, Callao, Peru Submarino Abtao, Callao, Peru Submarino Abtao, Callao, Peru Callao

Submarino Abtao, Callao, Peru

Retornamos para o ônibus e seguimos viagem de volta para Miraflores até o Parque Kennedy, onde acabava o tour. Achamos esse passeio muito legal, educativo e diferente, sendo uma ótima opção para quem possui mais tempo para explorar além de Lima.

 
 
 
(Facebook   Twitter   Instagram)
 
 
 

______________________________________________

Posts relacionados:

– Sítio Arqueológico Huaca Huallamarca em Lima

– Parque de las Leyendas, mais do que um zoológico em Lima

– Conhecendo o Centro Histórico de Lima

– Tour para Pachacamac em ônibus turístico

Categorias: Callao, Peru, Viajando | Tags: , , , , , , , , | 1 Comentário

Os parques de Lima, opções de passeios ao ar livre

Uma das principais coisas que chamou nossa atenção em Lima foi a qualidade de seus parques públicos. Em especial nos distritos de Miraflores e San Isidro, onde aproveitamos melhor dessas áreas de lazer perfeitas para famílias. As várias praças ou parques espalhados pelos bairros destacam-se por seus ambientes limpos, com gramados verdinhos e canteiros de flores coloridas e bem cuidadas. Mesmo durante o inverno, com o céu cinzento constante, os parques garantiam momentos agradáveis e divertidos de passeios ao ar livre e eu só ficava pensando em como seria poder curtir tudo aquilo no verão, com a presença do sol aquecendo a pele.

Aqui vão algumas sugestões para quem está visitando Lima:

1 – Parque Kennedy

Localizado entre a Diagonal e a Av Jose Larco, esse parque está numa área super movimentada do bairro de Miraflores, estando sempre agitado mesmo altas horas da noite (como chegamos a presenciar). Ao redor do Parque Kennedy, é possível encontrar diversas opções de alimentação, desde restaurantes, cafeterias, sorveteria, até as principais redes de fast food como KFC, Pizza Hut, Burger King, Bembos, McDonalds, Subway, além de Dunkin Donuts, Starbucks, entre tantos outros.

Dentre os restaurantes, fica como sugestão o Rústica, mas também existe a chamada Calle de las Pizzas, onde é possível encontrar outras opções. Para lanche, experimentamos o La Lucha e o Republica, que são sanduicherias deliciosas. Que tal provar o tradicional Chicharón? Os meninos adoravam o Salchipapas do Republica.

Parques públicos de Lima, Peru

Sanduíche do La Lucha

Existe um cinema, o Cine Pacifico, que fica numa galeria embaixo do McDonalds. Fomos nele algumas vezes e gostamos.

Parques públicos de Lima, Peru

Nas proximidades do Parque Kennedy estão as duas maiores lojas de departamento de Lima, a Saga Falabella e a Ripley, que seguem um estilo semelhante a Macy’s dos EUA. São maravilhosas, enormes e com uma grande variedade de produtos como roupas femininas, masculinas e infantis, calçados, acessórios, perfumes, cosméticos, brinquedos, eletrônicos, artigos de esporte, utensílios de casa, decoração, etc… Com vários andares, mesmo que não vá comprar, o que acho bem difícil resistir, já compensa o passeio. Quanto aos preços, o que pude perceber é que a maioria dos produtos é um pouco mais barato que no Brasil, embora mais caro que nos EUA. Porém, quando ocorrem as grandes liquidações, como as Cierra Puertas, garantindo descontos variados, é possível encontrar artigos que realmente compensam, vendidos com até 80% de desconto. Quem tiver sorte de pegar uma dessas promoções, não desperdice!

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Dá para ver a Ripley lá atrás do parquinho

Existem também outras opções para compras, em especial descendo pela Av José Larco, onde pode-se encontrar grande variedade de lojas (sapatos, roupas, produtos de Alpaca, etc). Na Calle Shell, que passa ao lado da Ripley, encontramos diversas sapatarias, uma ao lado da outra.

Até agora só falamos da área ao redor do Parque Kennedy, mas agora sendo mais específica, o que os meninos mais gostavam era exatamente o playground. Perdi as contas de quantas vezes fomos ali. E é perfeito para crianças. Com gramado sintético e brinquedos de plástico, a área é cercada e não permitida para animais (embora os vários gatos que habitam o parque não saibam ler a placa e acabem fazendo companhia para as crianças algumas vezes). Os brinquedos são super bem conservados, o local é limpo e, principalmente, é mantido assim pelos usuários. Existem alguns bancos para os pais, mas nos momentos de maior movimento, e acreditem que fica bem lotado, muitos acabam sentando no chão. Durante a semana, até às 17h, ficam duas funcionárias da Municipalidad de Miraflores com uma pequena estante de livros infantis que as crianças podem pegar gratuitamente para ler na área do parquinho. Fiquei absolutamente encantada com a iniciativa. Nos fins de tarde, principalmente nos fins de semana, o playground é muito procurado pelas família, ficando bastante cheio, mas nada que impossibilite a diversão da garotada. E o movimento vai até tarde da noite. Uma vez chegamos a estar no parquinho já quase 22h e ainda estava super agitado. Isso porque é um local onde as crianças podem se divertir gratuitamente num ambiente salubre e com muita segurança.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Vazio assim só num domingo de manhã cedo mesmo

Por falar em segurança, isso é um ótimo ponto positivo do Parque Kennedy, sempre muito bem policiado. Vários guardas da Municipalidad de Miraflores circulam a área constantemente, seja a pé, de bicicleta, de Segway, ou de carro ou moto pelas ruas ao redor. Sempre nos sentíamos muito seguros ali e nenhuma vez chegamos a presenciar qualquer problema. Sendo uma área turística e com muitos bares e restaurantes na região, o movimento de pessoas caminhando nas ruas é intenso, mesmo até altas horas da noite. E as lojas locais costumam ficar abertas até tarde, por volta das 22h.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Movimento no parquinho já tarde da noite

Espalhado pelo parque encontramos vários “carrinhos” vendendo pipoca, churros, doces limenhos, emoliente, além de outras comidas típicas. Numa área central, ocorre uma pequena feirinha de artesanato. E nas calçadas externas, vários pintores expõem suas artes nos fins de semana.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Todo Parque Kennedy possui internet wifi gratuita, sendo necessário apenas um rápido cadastro para conexão. O sinal é muito bom e consegui postar fotos tranquilamente.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

É do Parque Kennedy que saem os ônibus turísticos da empresa Mirabus. O ponto de venda dos tickets fica bem ao lado de uma Igreja, a Matriz Virgem Milagrosa.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Aos domingos de manhã, uma das faixas das ruas ao redor do parque ficam fechadas para os ciclistas e é possível alugar bicicleta no local. Há também uma divertida aula de salsa na rua, que atrai bastante gente.

Sem dúvida, o Parque Kennedy e sua área adjacente merecem a visita durante uma viagem a Lima.

2 – Parque del Amor

Esse parque fica na Malecón, a beira-mar de Lima, no bairro de Miraflores. Foi inaugurado exatamente num dia 14 de fevereiro, em 1993, que é dia dos namorados. Nele, encontramos a enorme escultura de 12 metros chamada “El Beso” – O Beijo – do artista peruano Victor Delfin.

Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru

A vista do Pacífico é um show à parte e atrai não apenas os casais de namorados para curtir o local e a paisagem.

Parque del Amor, Parques públicos de Lima, PeruParque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru

Outro destaque do Parque do Amor são os muros e bancos decorados com mosaicos e frases de amor em homenagem ao artista Gaudí de Barcelona.

Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru Parque del Amor, Parques públicos de Lima, PeruParques de Lima Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru

3 – Malecón

Apesar de estar me referindo aqui apenas como Malecón, como é conhecido esse calçadão costeiro em Miraflores, na verdade encontramos vários parques ao longo dele, cada um com seu nome. Quem vem do Parque Kennedy, pode descer direto a Diagonal em direção à costa até chegar ao Parque do Amor, e sair caminhando ou para direita, passando por diversos outros parques, ou para esquerda, chegando ao shopping Larcomar. Se descer pela Av Jose Larco, vai chegar direto em frente ao Larcomar.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Nós não chegamos a conhecer todos os parques do Malecón, mas quando passamos de ônibus voltando dos tours, percebemos que seguem o mesmo padrão de limpeza e cuidado, sempre com gramados verdes e floridos, calçadão para caminhada, parquinhos infantis, sendo áreas de lazer maravilhosas para a família limenha. Isso sem contar com a vista incrível do Pacífico. Só imagino como seja poder ver o pôr do sol no oceano durante o verão…

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Logo depois do Parque do Amor, está o Parque Raimondi, também muito usufruído por nós em nossa temporada em Lima. Possui áreas mais largas de gramado e era onde os meninos matavam a fome de bola, já que nos fizeram comprar uma bola de futebol só para poder jogar ali.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

No Raimondi há um centro de parapente muito procurado.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

O playground do Raimondi também é ótimo, com grama sintética e brinquedos de plástico, mas bem menor que o do Parque Kennedy, sendo mais procurado pelas crianças menores. Os meninos diziam que era parquinho de bebê e não queriam brincar muito.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Vimos em vários parques ao longo da Malecón áreas cercadas específicas para cachorros, onde os donos podiam soltar os animais.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Área para cachorros

Caminhando pela Malecón, passa-se por vários outros parques, com diferentes playgrounds para a criançada, estações de ginástica, vistas maravilhosas, e até com direito a flores desenhando as linhas de Nazca. Não tem como não se apaixonar!

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

4 – Parque Salazar e Shopping Larcomar

O Parque Salazar é onde está localizado o shopping mais charmoso de Lima, o Larcomar. Se você olha o parque, não entende exatamente onde está o shopping. Como os meninos chamavam, é um shopping “subterrâneo”. Era assim que eles viam, mas a verdade é que o Larcomar está cravado nos rochedos de Miraflores. É super diferente e inusitado para quem vê pela primeira vez. O legal é olhar mais afastado, ainda do calçadão da Malecón, de quem vem do Parque del Amor.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Onde está o shopping?

Parque Salazar e o shopping Larcomar, Lima, Peru

Parque Salazar e o shopping Larcomar

Entre os rochedos de Miraflores, Shopping Larcomar, Lima, Peru

Lá está ele, entre os rochedos de Miraflores

No Parque Salazar é possível alugar bicicletas, divertir as crianças no parquinho infantil, sentar em banquinhos e curtir a paisagem, assistir aos skatistas ou, principalmente, curtir o Larcomar.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Construído em 2002, o shopping conta com três pisos ao ar livre. O fato de ser descoberto não é normalmente um problema, pois não costuma chover em Lima. A chuva deles é mais como a nossa neblina e ninguém usa guarda-chuvas nas ruas quando está chovendo. Achei isso bem estranho!

Larcomar, Parques públicos de Lima, Peru

Podemos encontrar diversas lojas como GAP, Banana Republic, Crocs, Guess, Kipling, entre várias outras. O shopping conta ainda com doze salas de cinema UVK Multicines, um boliche, uma área de fliperama e um teatro.

Larcomar, Parques públicos de Lima, Peru

Na praça de alimentação, encontramos algumas redes de fast food como Burger King, Bembos, KFC, Pizza Hut e a Sanduicheria La Lucha. Mas existem vários outros restaurantes espalhados pelo shopping. Em destaque, citamos o Tanta, um restaurante de comida típica do famoso Chef peruano Gastón Acúrio. O La Bombonniere, de cozinha italiana, e o Mangos também foram testados por nós e aprovados. Outros que podemos citar são: TGI Fridays, Chili’s, TonyRoma’s, La Trattoria, Pardos. Portanto, opções para uma boa refeição não vão faltar.

O Larcomar é ponto obrigatório numa visita a Lima.

5 – Bosque El Olivar

Saindo agora de Miraflores, conhecemos o Bosque El Oliver no distrito de San Isidro. Um pouco diferente dos outros parques de Miraflores, o El Oliver não é chamado de bosque à toa, já que é repleto de oliveiras por todos os lados. É uma delícia caminhar entre as oliveiras centenárias pela calçadinha que atravessa o centro do parque.

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

A oliveira foi introduzida em Lima em 1560, quando Antonio de Rivera trouxe mudas diretamente de Sevilha e as plantou no centro de San Isidro. Hoje, são mais de 1500 oliveiras.

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

O parque passa uma tranquilidade apesar de estar numa região central de um grande bairro. É bem procurado pela população local, que aproveita o silêncio e os diversos banquinhos para ler um livro e relaxar. Também vimos algumas pessoas fazendo piquenique na grama, ou brincando com as crianças que corriam entre as oliveiras. Esse parque não tem playground, mas nem por isso deixa de garantir a diversão dos pequenos pelo espaço livre que proporciona para eles correrem e brincarem. Outra prática comum de se encontrar no Bosque El Olivar são os ensaios fotográficos (vimos vários).

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

Essas foram algumas das áreas ao ar livre que curtimos em Lima, e que nos fizeram ficar ainda mais apaixonados por essa cidade.

 
 
(Facebook   Twitter   Instagram)
 
 
 

______________________________________________

Posts relacionados:

Parque de las Leyendas, mais do que um zoológico em Lima

Conhecendo o Centro Histórico de Lima

Tour para Pachacamac em ônibus turístico

Divercity, uma cidade divertida para crianças em Lima

Sítio Arqueológico Huaca Pucllana em Lima

Categorias: Lima, Peru, Viajando | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: