Lima

Onde comer em Lima

Algumas dicas de restaurantes em Lima, Peru, que experimentamos e aprovamos:

1 – Tanta

Esse é mais um restaurante do famoso Chef Peruano Gastón Acúrio. Com várias unidades pela cidade, é uma excelente opção para provar o tempero peruano em pratos tradicionais. Nós conhecemos mais o Tanta do Larcomar, mas também pode encontrar o Tanta no Shopping Jockey Plaza, ou na Av 28 de Julio em Miraflores, além de San Isidro e do Centro Histórico. Os endereços estão no site.

O cardápio traz desde saladas, sopas, sanduíches, massas, até os pratos típicos como Lomo Saltado, Ceviche, Ají de Gallina. As sobremesas são variadas, mas o Suspiro Limeño era que mais gostávamos (que saudades!!!).

Dicas de onde comer em Lima, Peru

Tapadito de Chanchito Capón, com Chaufa

As porções são super bem servidas, mas individuais. É possível comer bem num restaurante de nível internacional e sem pagar caro por isso.

2 – Punto Azul

Esse restaurante traz pratos de frutos do mar, mas com tempero peruano.

Punto Azul, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Punto Azul

O cardápio oferece peixes, camarões, risotos, massas… O marido disse que, de todos os Ceviches que provou em Lima, o do Punto Azul foi o melhor e de maior porção, tanto que ele só conseguia comer o Ceviche como prato principal e não como entrada.

Um prato que adorei e recomendo é o Ají de Langostinos. Divino! Para ser sincera, não gosto de comida apimentada, mas fiquei apaixonada pelos pratos com ají, já que eram picantes no ponto certo, sem queimar a boca, mas dando um tempero delicioso.

Ceviche, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Ceviche

Ají de Langostinos, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Ají de Langostinos

De sobremesa, experimentamos o Três Leches e o Suspiro Limeño. Na minha opinião, o melhor Suspiro Limeño de todos, e olha que comi bastante, pois era minha sobremesa preferida em Lima. Para quem gosta de sobremesa bem doce, é um prato cheio, e vai adorar. Ele tem uma porção de manjar blanco, tipo um doce de leite, coberto com suspiro. É doce! Beeeeeeem doce! Mas delicioso! Existem algumas variações, trocando o manjar blanco por creme de frutas típicas (Chirimoya ou Lúcuma). São bons, mas o tradicional é melhor.

Três Leches, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Três Leches

Suspiro Limeño, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Suspiro Limeño

O Punto Azul costuma ficar bem cheio, fazendo fila de espera. Fomos no da Calle San Martin, em Miraflores, mas existem outros na cidade. Para mais detalhes, site.

3 – Embarcadero 41

Conhecemos o Embarcadero meio por acaso, já que íamos, na verdade, almoçar no Punto Azul. Mas, quando chegamos, o Punto Azul estava tão cheio e com uma fila de espera muito longa que resolvemos procurar outro lugar. Como o Embarcadero fica bem próximo, na mesma rua, resolvemos experimentar.

Embarcadero 41, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Embarcadero 41

É também um restaurante de frutos do mar, especializado em culinária peruana-asiática. O cardápio é bem variado, até mais que o Punto Azul, e adoramos o fato de que todos os pratos do menu era apresentados com suas fotos, o que facilitava a escolha. As porções eram menores que de outros restaurantes que comemos, mas não insuficientes. Mais informações no site.

Dicas Restaurantes em Lima, Peru Dicas Restaurantes em Lima, Peru

4 – Mangos

O Mangos fica no Shopping Larcomar. Não sei se tem outro na cidade. O mais legal desse restaurante talvez seja o ambiente, de forma que recomendo ficar no terraço, que tem uma vista ótima do Pacífico e do litoral de Lima.

Mangos, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Vista do Mangos à noite

Mangos, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Mangos

Não é um restaurante mais barato que fomos, mas também nada de tão absurdo. Um boa pedida pode ser o buffet, que era o nosso interesse, mas só funciona até 20h e chegamos tarde. Depois desse horário, só a la carte. Os tequeños deles, algo como o nosso pastel, são uma delícia, e vem uma porção com 4 tequeños de queijo, 4 de lomo saltado, 4 de ají de gallina.

Dicas Restaurantes em Lima, Peru

Se tiver interesse em experimentar outras variações de Suspiro Limeño, pode pedir o trio que vem com três taças pequenas de três sabores diferentes (tradicional, manga e lúcuma).

Dicas Restaurantes em Lima, Peru

5 – La Bonbonniere

O La Bonbonniere também fica no Larcomar, embora existam mais três restaurantes em Lima.

Dicas Restaurantes em Lima, Peru Dicas de onde comer em Lima, Peru Dicas Restaurantes em Lima, Peru

Nós experimentamos as massas, uma das especialidades culinárias do restaurante. Penne, Spaguetti, Ravioli, Fetuccini, Lasanha… várias opções para uma refeição italiana de primeira.

Dicas Restaurantes em Lima, Peru Dicas Restaurantes em Lima

Mas não pensem que os pratos peruanos ficam de fora do cardápio. Todos estão lá também, podendo ser uma opção para quem se apaixonou pela culinária peruana (difícil é não se apaixonar).

Os sorvetes artesanais são o destaque no quesito sobremesas.

Dicas Restaurantes em Lima, Peru Dicas Restaurantes em Lima, Peru

Mais detalhes no site.

6 – Huaca Pucllana

Conhecemos o restaurante Huaca Pucllana no dia em que visitamos o sítio arqueológico em Miraflores. Fizemos reserva antecipada, o que é muito recomendado. Falamos com mais detalhes sobre o restaurante Huaca Pucllana aqui.

Dicas de onde comer em Lima, PeruRestaurante Huaca Pucllana, Dicas de onde comer em Lima, Peru

Existem diversas outras opções de restaurantes em Lima para se deliciar com a maravilhosa gastronomia peruana. É em Lima que se encontra o restaurante considerado o melhor da América Latina em 2014, o Central, que, apesar do preço mais salgado, quem já foi garante que vale a pena viver essa experiência gastronômica única. No blog Cup of Things há um post sobre o Central.

Outro que sempre ouvi falar muito foi o Astrid e Gastón, também do Chef Gastón Acúrio. E num píer que se estende Pacífico adentro, é possível encontrar o La Rosa Nautica.

Isso só para citar mais alguns que gostaríamos de ter ido, mas não tivemos a oportunidade de conhecer. Se souberem de mais algum para compartilhar com a gente, é só colocar aí nos comentários que vamos adorar! 😉 

 
 
 
(Facebook   Twitter   Instagram)
 
 
 

______________________________________________

Posts relacionados:

Os parques de Lima, opções de passeios ao ar livre
Restaurante – CHICHA por Gastón Acurio (Arequipa, Peru)
Como foi viajar pelo Peru com crianças?
Roteiro – 9 dias no Peru com crianças (Arequipa, Puno, Cusco, Machu Picchu)Peru com crianças – viajando de trem de Puno para Cusco (Andean Explorer)
 
 
Categorias: Lima, Peru, Restaurantes, Viajando | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Os parques de Lima, opções de passeios ao ar livre

Uma das principais coisas que chamou nossa atenção em Lima foi a qualidade de seus parques públicos. Em especial nos distritos de Miraflores e San Isidro, onde aproveitamos melhor dessas áreas de lazer perfeitas para famílias. As várias praças ou parques espalhados pelos bairros destacam-se por seus ambientes limpos, com gramados verdinhos e canteiros de flores coloridas e bem cuidadas. Mesmo durante o inverno, com o céu cinzento constante, os parques garantiam momentos agradáveis e divertidos de passeios ao ar livre e eu só ficava pensando em como seria poder curtir tudo aquilo no verão, com a presença do sol aquecendo a pele.

Aqui vão algumas sugestões para quem está visitando Lima:

1 – Parque Kennedy

Localizado entre a Diagonal e a Av Jose Larco, esse parque está numa área super movimentada do bairro de Miraflores, estando sempre agitado mesmo altas horas da noite (como chegamos a presenciar). Ao redor do Parque Kennedy, é possível encontrar diversas opções de alimentação, desde restaurantes, cafeterias, sorveteria, até as principais redes de fast food como KFC, Pizza Hut, Burger King, Bembos, McDonalds, Subway, além de Dunkin Donuts, Starbucks, entre tantos outros.

Dentre os restaurantes, fica como sugestão o Rústica, mas também existe a chamada Calle de las Pizzas, onde é possível encontrar outras opções. Para lanche, experimentamos o La Lucha e o Republica, que são sanduicherias deliciosas. Que tal provar o tradicional Chicharón? Os meninos adoravam o Salchipapas do Republica.

Parques públicos de Lima, Peru

Sanduíche do La Lucha

Existe um cinema, o Cine Pacifico, que fica numa galeria embaixo do McDonalds. Fomos nele algumas vezes e gostamos.

Parques públicos de Lima, Peru

Nas proximidades do Parque Kennedy estão as duas maiores lojas de departamento de Lima, a Saga Falabella e a Ripley, que seguem um estilo semelhante a Macy’s dos EUA. São maravilhosas, enormes e com uma grande variedade de produtos como roupas femininas, masculinas e infantis, calçados, acessórios, perfumes, cosméticos, brinquedos, eletrônicos, artigos de esporte, utensílios de casa, decoração, etc… Com vários andares, mesmo que não vá comprar, o que acho bem difícil resistir, já compensa o passeio. Quanto aos preços, o que pude perceber é que a maioria dos produtos é um pouco mais barato que no Brasil, embora mais caro que nos EUA. Porém, quando ocorrem as grandes liquidações, como as Cierra Puertas, garantindo descontos variados, é possível encontrar artigos que realmente compensam, vendidos com até 80% de desconto. Quem tiver sorte de pegar uma dessas promoções, não desperdice!

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Dá para ver a Ripley lá atrás do parquinho

Existem também outras opções para compras, em especial descendo pela Av José Larco, onde pode-se encontrar grande variedade de lojas (sapatos, roupas, produtos de Alpaca, etc). Na Calle Shell, que passa ao lado da Ripley, encontramos diversas sapatarias, uma ao lado da outra.

Até agora só falamos da área ao redor do Parque Kennedy, mas agora sendo mais específica, o que os meninos mais gostavam era exatamente o playground. Perdi as contas de quantas vezes fomos ali. E é perfeito para crianças. Com gramado sintético e brinquedos de plástico, a área é cercada e não permitida para animais (embora os vários gatos que habitam o parque não saibam ler a placa e acabem fazendo companhia para as crianças algumas vezes). Os brinquedos são super bem conservados, o local é limpo e, principalmente, é mantido assim pelos usuários. Existem alguns bancos para os pais, mas nos momentos de maior movimento, e acreditem que fica bem lotado, muitos acabam sentando no chão. Durante a semana, até às 17h, ficam duas funcionárias da Municipalidad de Miraflores com uma pequena estante de livros infantis que as crianças podem pegar gratuitamente para ler na área do parquinho. Fiquei absolutamente encantada com a iniciativa. Nos fins de tarde, principalmente nos fins de semana, o playground é muito procurado pelas família, ficando bastante cheio, mas nada que impossibilite a diversão da garotada. E o movimento vai até tarde da noite. Uma vez chegamos a estar no parquinho já quase 22h e ainda estava super agitado. Isso porque é um local onde as crianças podem se divertir gratuitamente num ambiente salubre e com muita segurança.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Vazio assim só num domingo de manhã cedo mesmo

Por falar em segurança, isso é um ótimo ponto positivo do Parque Kennedy, sempre muito bem policiado. Vários guardas da Municipalidad de Miraflores circulam a área constantemente, seja a pé, de bicicleta, de Segway, ou de carro ou moto pelas ruas ao redor. Sempre nos sentíamos muito seguros ali e nenhuma vez chegamos a presenciar qualquer problema. Sendo uma área turística e com muitos bares e restaurantes na região, o movimento de pessoas caminhando nas ruas é intenso, mesmo até altas horas da noite. E as lojas locais costumam ficar abertas até tarde, por volta das 22h.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Movimento no parquinho já tarde da noite

Espalhado pelo parque encontramos vários “carrinhos” vendendo pipoca, churros, doces limenhos, emoliente, além de outras comidas típicas. Numa área central, ocorre uma pequena feirinha de artesanato. E nas calçadas externas, vários pintores expõem suas artes nos fins de semana.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Todo Parque Kennedy possui internet wifi gratuita, sendo necessário apenas um rápido cadastro para conexão. O sinal é muito bom e consegui postar fotos tranquilamente.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

É do Parque Kennedy que saem os ônibus turísticos da empresa Mirabus. O ponto de venda dos tickets fica bem ao lado de uma Igreja, a Matriz Virgem Milagrosa.

Parque Kennedy, Parques públicos de Lima, Peru

Aos domingos de manhã, uma das faixas das ruas ao redor do parque ficam fechadas para os ciclistas e é possível alugar bicicleta no local. Há também uma divertida aula de salsa na rua, que atrai bastante gente.

Sem dúvida, o Parque Kennedy e sua área adjacente merecem a visita durante uma viagem a Lima.

2 – Parque del Amor

Esse parque fica na Malecón, a beira-mar de Lima, no bairro de Miraflores. Foi inaugurado exatamente num dia 14 de fevereiro, em 1993, que é dia dos namorados. Nele, encontramos a enorme escultura de 12 metros chamada “El Beso” – O Beijo – do artista peruano Victor Delfin.

Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru

A vista do Pacífico é um show à parte e atrai não apenas os casais de namorados para curtir o local e a paisagem.

Parque del Amor, Parques públicos de Lima, PeruParque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru

Outro destaque do Parque do Amor são os muros e bancos decorados com mosaicos e frases de amor em homenagem ao artista Gaudí de Barcelona.

Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru Parque del Amor, Parques públicos de Lima, PeruParques de Lima Parque del Amor, Parques públicos de Lima, Peru

3 – Malecón

Apesar de estar me referindo aqui apenas como Malecón, como é conhecido esse calçadão costeiro em Miraflores, na verdade encontramos vários parques ao longo dele, cada um com seu nome. Quem vem do Parque Kennedy, pode descer direto a Diagonal em direção à costa até chegar ao Parque do Amor, e sair caminhando ou para direita, passando por diversos outros parques, ou para esquerda, chegando ao shopping Larcomar. Se descer pela Av Jose Larco, vai chegar direto em frente ao Larcomar.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Nós não chegamos a conhecer todos os parques do Malecón, mas quando passamos de ônibus voltando dos tours, percebemos que seguem o mesmo padrão de limpeza e cuidado, sempre com gramados verdes e floridos, calçadão para caminhada, parquinhos infantis, sendo áreas de lazer maravilhosas para a família limenha. Isso sem contar com a vista incrível do Pacífico. Só imagino como seja poder ver o pôr do sol no oceano durante o verão…

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Logo depois do Parque do Amor, está o Parque Raimondi, também muito usufruído por nós em nossa temporada em Lima. Possui áreas mais largas de gramado e era onde os meninos matavam a fome de bola, já que nos fizeram comprar uma bola de futebol só para poder jogar ali.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

No Raimondi há um centro de parapente muito procurado.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

O playground do Raimondi também é ótimo, com grama sintética e brinquedos de plástico, mas bem menor que o do Parque Kennedy, sendo mais procurado pelas crianças menores. Os meninos diziam que era parquinho de bebê e não queriam brincar muito.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Vimos em vários parques ao longo da Malecón áreas cercadas específicas para cachorros, onde os donos podiam soltar os animais.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Área para cachorros

Caminhando pela Malecón, passa-se por vários outros parques, com diferentes playgrounds para a criançada, estações de ginástica, vistas maravilhosas, e até com direito a flores desenhando as linhas de Nazca. Não tem como não se apaixonar!

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

4 – Parque Salazar e Shopping Larcomar

O Parque Salazar é onde está localizado o shopping mais charmoso de Lima, o Larcomar. Se você olha o parque, não entende exatamente onde está o shopping. Como os meninos chamavam, é um shopping “subterrâneo”. Era assim que eles viam, mas a verdade é que o Larcomar está cravado nos rochedos de Miraflores. É super diferente e inusitado para quem vê pela primeira vez. O legal é olhar mais afastado, ainda do calçadão da Malecón, de quem vem do Parque del Amor.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Onde está o shopping?

Parque Salazar e o shopping Larcomar, Lima, Peru

Parque Salazar e o shopping Larcomar

Entre os rochedos de Miraflores, Shopping Larcomar, Lima, Peru

Lá está ele, entre os rochedos de Miraflores

No Parque Salazar é possível alugar bicicletas, divertir as crianças no parquinho infantil, sentar em banquinhos e curtir a paisagem, assistir aos skatistas ou, principalmente, curtir o Larcomar.

Malécon, Parques públicos de Lima, Peru Malécon, Parques públicos de Lima, Peru

Construído em 2002, o shopping conta com três pisos ao ar livre. O fato de ser descoberto não é normalmente um problema, pois não costuma chover em Lima. A chuva deles é mais como a nossa neblina e ninguém usa guarda-chuvas nas ruas quando está chovendo. Achei isso bem estranho!

Larcomar, Parques públicos de Lima, Peru

Podemos encontrar diversas lojas como GAP, Banana Republic, Crocs, Guess, Kipling, entre várias outras. O shopping conta ainda com doze salas de cinema UVK Multicines, um boliche, uma área de fliperama e um teatro.

Larcomar, Parques públicos de Lima, Peru

Na praça de alimentação, encontramos algumas redes de fast food como Burger King, Bembos, KFC, Pizza Hut e a Sanduicheria La Lucha. Mas existem vários outros restaurantes espalhados pelo shopping. Em destaque, citamos o Tanta, um restaurante de comida típica do famoso Chef peruano Gastón Acúrio. O La Bombonniere, de cozinha italiana, e o Mangos também foram testados por nós e aprovados. Outros que podemos citar são: TGI Fridays, Chili’s, TonyRoma’s, La Trattoria, Pardos. Portanto, opções para uma boa refeição não vão faltar.

O Larcomar é ponto obrigatório numa visita a Lima.

5 – Bosque El Olivar

Saindo agora de Miraflores, conhecemos o Bosque El Oliver no distrito de San Isidro. Um pouco diferente dos outros parques de Miraflores, o El Oliver não é chamado de bosque à toa, já que é repleto de oliveiras por todos os lados. É uma delícia caminhar entre as oliveiras centenárias pela calçadinha que atravessa o centro do parque.

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

A oliveira foi introduzida em Lima em 1560, quando Antonio de Rivera trouxe mudas diretamente de Sevilha e as plantou no centro de San Isidro. Hoje, são mais de 1500 oliveiras.

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

O parque passa uma tranquilidade apesar de estar numa região central de um grande bairro. É bem procurado pela população local, que aproveita o silêncio e os diversos banquinhos para ler um livro e relaxar. Também vimos algumas pessoas fazendo piquenique na grama, ou brincando com as crianças que corriam entre as oliveiras. Esse parque não tem playground, mas nem por isso deixa de garantir a diversão dos pequenos pelo espaço livre que proporciona para eles correrem e brincarem. Outra prática comum de se encontrar no Bosque El Olivar são os ensaios fotográficos (vimos vários).

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru Bosque El Oliver, Parques públicos de Lima, Peru

Essas foram algumas das áreas ao ar livre que curtimos em Lima, e que nos fizeram ficar ainda mais apaixonados por essa cidade.

 
 
(Facebook   Twitter   Instagram)
 
 
 

______________________________________________

Posts relacionados:

Parque de las Leyendas, mais do que um zoológico em Lima

Conhecendo o Centro Histórico de Lima

Tour para Pachacamac em ônibus turístico

Divercity, uma cidade divertida para crianças em Lima

Sítio Arqueológico Huaca Pucllana em Lima

Categorias: Lima, Peru, Viajando | Tags: , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: