Washington D.C. – um bate e volta de trem a partir de Nova York (Amtrak)

Resolvemos fazer um bate e volta de Nova York para Washington. Vale a pena? Assim, tendo consciência que é só para conhecer de forma bem geral e ter vontade de voltar um dia com mais calma, vale.

Acordamos praticamente de madrugada e pegamos um táxi na 8th Ave para a Penn Station porque ainda estava tudo escuro e muito deserto. A corrida de táxi custou uns 10U$. Compramos os tickets da Amtrak pelo site (link) e pegamos um trem partindo bem cedinho, às 6h da manhã. Deve-se imprimir o voucher e na Penn Station procurar umas máquinas, que parecem caixas eletrônicos de bancos, onde irá retirar os tickets para embarque. É tudo prático e rápido e vai precisar do código de barras impresso no voucher. Na época, eu não pensava em fazer o blog, então não me preocupava em tirar fotos dessas coisas práticas. 😦 Com os tickets de embarque, é só se dirigir para a plataforma. Muita atenção nessa hora, porque são várias plataformas e muitos trens em horários próximos. Eles são muito pontuais e quase pegamos o trem errado achando que era o nosso, mas era um que saía para Washington apenas alguns minutos antes. Quando o trem para, você entra e não tem ninguém verificando nada (para entrar na plataforma, verificam o ticket). Como não levamos bagagem, não nos preocupamos com isso, mas tem espaço para malas no vagão. Os lugares não são marcados. Só depois passa uma pessoa olhando os bilhetes já dentro do trem.

São cerca de 3h e meia de viagem, mas que a gente nem sente, principalmente para quem consegue dormir. Existe um trem mais rápido, mas que não permite viajar com crianças. Achei a viagem super tranquila e muito mais confortável que de avião, por exemplo. Por mim, voltava pro Brasil num trem daqueles na boa, com as poltronas mais largas, espaço para esticar as pernas, wi-fi gratuito, tomada para ligar aparelhos eletrônicos. Em determinados vagões, há opção para comprar bebida e comida.

Washington D.C. é uma cidade linda, com muitas opções de passeio e repleta de museus, galerias e monumentos. É bem ampla e com prédios grandiosos. Claro que em apenas um dia não dá para conhecer Washington, mas nosso objetivo era apenas ter uma visão geral da capital dos EUA. Para isso, recorremos novamente aos ônibus de 2 andares como fizemos em NY (comentado aqui, aqui e aqui). Comprei o tour online (link) e imprimi o voucher. Chegando na Union Station, em Washington, procurei o guichê da empresa para trocar pelos tickets. Esse tour oferecia 4 rotas, todas incluídas no valor único pago (46U$, por 24h de tour). As opções eram apenas se queria que o ticket tivesse validade de 24h ou de 48h. Como só ficaríamos 1 dia, compramos o de 24h. Crianças menores de 5 anos não pagam e apenas solicitam que, se o ônibus estiver lotado, coloque a criança no colo. Também é possível comprar o tour no local e até no próprio ônibus como vi acontecer e o motorista tinha uma máquina para passar cartão. Os carrinhos de criança são permitidos e colocados no andar de baixo do ônibus. Todas as rotas funcionam no sistema Hop on Hop off, ou seja, pode subir e descer quantas vezes quiser em qualquer uma das paradas. Algumas paradas funcionavam como conexão entre uma linha e outra. As linhas são identificadas por cores e são destacadas na frente dos ônibus.

A linha vermelha é a que sai da Union Station e faz a parte do The Mall, tendo várias paradas próximas aos museus. Uma volta completa dessa rota, sem parar, tem duração média de 90 minutos. A rota azul sai do Washington Memorial e estica até o Arlington Cemetery, tendo uma parada também no Pentagon City Mall (volta completa dura 60 min). A rota verde vai até o National Zoo e a Catedral e tem uma média de 30 min de duração ao todo. A rota amarela também sai da Union Station e, além de alguns pontos de parada no The Mall, faz uma volta por Georgetown (60 min de duração).

Ônibus de 2 andares Washington D.C.

Ônibus de 2 andares

Nossa ideia era pegar a linha vermelha e conhecer a parte mais central fazendo algumas paradas para fotos em alguns memoriais, no Capitólio, na Casa Branca e no Washington Monument. Depois, pegar a linha amarela e não descer, sendo apenas para passar por Georgetown. O mesmo na rota azul para conhecer o Arlinton Cemetery. Claro que seria muito no sentido “vamos vendo o que vai dar tempo”. Os únicos museus que queríamos visitar rapidamente era o de História Natural e o Museu do Ar e do Espaço. Pois bem, tudo planejado… tudo por água abaixo. Literalmente! A água atrapalhou tudo. Muita água. Foi nosso segundo dia de chuva na viagem toda (o primeiro foi o do parque Magic Kingdom), mas não podia ter sido um dia pior. Logo no início no tour, ainda na primeira parada em frente ao Capitólio, já começamos a sentir as gotas. Para piorar, fazia frio e a água era um gelo. Depois, a chuva não deu mais trégua o resto do dia. Foi uma viagem perdida! Acabamos não conseguindo descer em nenhuma parada, não dava para ficar na parte de cima do ônibus, muito menos as fotos de dentro dele prestavam porque ficavam embaçadas. Do Capitólio, nos enfurnamos logo dentro do Air and Space Museum para dar um tempo na esperança da chuva dar uma trégua. Mas ela não colaborou mesmo. 😦

Washington D.C. tour em ônibus panorâmico

O domo do Capitólio foi construído em 1851 e é formado de ferro fundido pesando cerca de 4500 toneladas. É possível uma visita interna ao Capitólio, que tem como destaque a Rotunda, localizada sob o domo, onde existem oito murais que retratam cenas das colônias e do período revolucionário. Para realizar a visita, pode fazer uma reserva antecipada no site ou tentar os ingressos na hora no Visitor Center, mas esses são limitados. A entrada é gratuita. O Visitor Center está localizado na First Street com a East Capitol Street e funciona de segunda a sábado das 8:30 às 16:30. 

Capitólio Washington D.C.

Capitólio

O National Air and Space Museum traz desde o primeiro voo motorizado tripulado até a recente exploração espacial. Faz parte do Instituto Smithsoniano assim como vários outros museus (como não vai dar para falar de todos os museus, até porque não visitamos todos, quem quiser mais informações, horários de funcionamento e localização, link). O Museu do Ar e Espaço é muito divertido e um ótimo lugar para as crianças. Cheio de aviões e naves espaciais, rochas lunares, módulo de comando do Apolo 11 e o ônibus espacial Columbia, os meninos amaram. Tem uma parte do museu que é bem interativa e as crianças podiam mexer em tudo exercitando a curiosidade. Grande parte da coleção desse museu fica em hangares no Aeroporto Internacional Dulles no chamado Steven F. Udvar-Hazy Center. A entrada para o museu é gratuita e o horário de funcionamento é das 10h às 17:30 diariamente.

National Air and Space Museum Washington D.C. bate e volta de New York National Air and Space Museum Washington D.C. bate e volta de New York National Air and Space Museum Washington D.C. bate e volta de New York National Air and Space Museum Washington D.C. National Air and Space Museum Washington D.C. National Air and Space Museum Washington D.C. National Air and Space Museum Washington D.C.

Como a chuva não ajudou, acabamos pegando a linha Azul do ônibus e seguimos para almoçar num shopping (The Fashion Centre at Pentagon City). Era mais uma tentativa de esperar a chuva passar. E mais uma tentativa em vão. Ao menos demos uma volta, comemos e passamos o tempo. A essa altura, eu já estava muito chateada. Resolvemos não ficar trancados num shopping o dia todo e voltamos pro ônibus para fazer o percurso que desse e ver a cidade da janela do ônibus, terminando o dia dentro de algum museu. Vou colocar abaixo algumas das minhas anotações nas pesquisas para elaboração do roteiro, mas que não conseguimos conhecer pessoalmente.

Shopping Washington D.C. bate e volta de New York

Shopping

Thomas Jefferson Memorial – é um memorial neoclássico de mármore branco que fica entre várias cerejeiras japonesas. No interior, encontra-se uma estátua de 5,8 metros de bronze de Jefferson e em volta há vários de seus discursos e escritos nas paredes. Fica aberto 24h por dia, mas funcionários estão presentes para tirar dúvidas das 9:30 às 23:30 e um tour ocorre a cada hora das 10h às 23h. A entrada é gratuita e não precisa realizar reserva.

Washington D.C. Washington D.C.

Lincoln Memorial – mais um templo de mármore branco de Washington que abriga a estátua sentada de Lincoln. Dentro, há duas salas que abrigam escrituras e discursos. É um bom local para ter uma vista do pôr do sol com o Washington Monument refletido no tanque em sua base. Funciona diariamente 24h por dia. Entrada gratuita.

Washington Monument – é maior estrutura de alvenaria do mundo com 169 metros de altura. Há um posto de observação a 152m, de onde se tem a vista de Washington, Maryland e Virginia. A entrada é gratuita, mas é necessário um ticket para subir ao observatório. Esse ticket é obtido de duas formas, reserva antecipada pelo site mediante o pagamento de uma taxa (1.5$), ou pegar os ingressos gratuitos no próprio dia e que são disponíveis no Lodge, na 15th Street ao lado do Washington Monument (são limitados por dia, de forma que é preciso chegar cedo para conseguir). Entretanto, o monumento se encontra fechado para reforma e não encontrei informações sobre previsão de data para reabertura.

Washington D.C. bate e volta de Nova York

O jeito foi andar na parte de baixo do ônibus

Washington D.C. Washington D.C.

Paramos no Museu de História Natural, onde ficamos até a hora de voltar para a Union Station. Confesso que gostei mais do Museu de História Natural de Nova York, que visitaríamos dois dias depois, mas o National Museum of Natural History não deixa a desejar, além de ser uma ótima opção para crianças.

National Museum of Natural History Washington D.C.

Chuva dando uma rápida trégua para foto

National Museum of Natural History Washington D.C. National Museum of Natural History Washington D.C. National Museum of Natural History Washington D.C. National Museum of Natural History Washington D.C.  National Museum of Natural History Washington D.C.

Ficou gosto de quero mais!

Ficou gosto de quero mais!

A Union Station oferece restaurantes (no subsolo), uma grande variedade de lojas, um cinema, além de ser o ponto de conexão ferroviário e estação de metrô. Seu prédio é muito bonito, em mármore branco e com um enorme salão, o Main Hall, cujo teto é arqueado e tem 29m de altura enfeitado com 32Kg de folhas de ouro. É deslumbrante! Nós comemos no Johnny Rockets, que adoro, e logo pegamos o trem de volta a NYC. Chegamos perto de meia noite na Penn Station e pegamos táxi de volta para o Milford.

Veja também o vídeo da nossa visita a Washington D.C.

Union Station

Union Station

Teto da Union Station

Teto da Union Station

 
 
(Nos acompanhem também noFacebook      Twitter      Instagram)
 
_______________________________________________________________________________________

Posts relacionados

Viajando – Post-índice

Roteiro – 6 dias em Nova York e 1 dia em Washington D.C.

MOMA – Museum of Modern Art

Grand Central Terminal, Chrysler Building, New York Public Library, Bryant Park

Radio City Music Hall Christmas Spectacular em Nova York

Categorias: EUA, Viajando, Washington D.C. | Tags: , , , , , , , , | 19 Comentários

Navegação de Posts

19 opiniões sobre “Washington D.C. – um bate e volta de trem a partir de Nova York (Amtrak)

  1. Nathalia Gomes Pires

    Olá! Obrigada pelas dicas de viagem!
    Em qual época do ano vocês visitaram Washington D.C.?
    E você saberia me dizer se os restaurantes na Union Station ficam abertos 24h? Estava pensando em ficar na estação até o meu trem sair pra Nova Iorque, você acha uma ideia ruim?
    Muito obrigada!!!

    • Fomos em dezembro. Não saberia te dizer as opções de alimentação 24h na Union Station, mas acredito que tenha porque o movimento é grande e a estação é enorme. Pode ficar na estação aguardando seu trem.

  2. Poderia informar precos dos trens , onibus em washigton e entradas nos museus? Fica mais em conta que de onibus ? Ou o custo beneficio e maior?

    • Olá Aureo,
      Os valores dos trens variam. O melhor é dar uma olhada direto no site da Amtrak para fazer uma simulação para o dia o horário que deseja. Esse site: http://www.amtrak.com/home
      Quanto aos ônibus, não saberei informar, já que não usei nenhum serviço de ônibus de NY para Washington. Acredito até que o ônibus seja mais barato sim, mas a viagem de trem é muito tranquila e confortável.
      Os museus do Instituto Smithsoniano possuem entrada gratuita. Nesse site (http://www.si.edu/Visit/Hours), você encontra a lista desses museus e seus horários de funcionamento.

  3. Jorge Araujo

    Viajo dia 28 de nov.estou corrigindo email

  4. Jorge Araujo

    Estou viajando dia 28 de nov,chego em NY as 5,00, será consigo já sair de trem do aeroporto,e como funciona o horario de trens?Sabado e domingo não tá tudo fechado em Was?

    • Oi Jorge, o aeroporto e a Penn Station não ficam próximas, então você não vai sair do aeroporto já de trem. Pode comprar uma passagem de trem no mesmo dia, mas, dependendo do aeroporto que chegar, tem que levar em consideração o tempo de deslocamento para a Penn Station, que fica próximo ao Madison Square Garden, ou da Macy’s. Existem vários horários de trens saindo de NY para Was durante o dia. Dá uma olhada no site da Amtrak que terá uma noção melhor. E as coisas funcionam normalmente em Was no fim de semana, os museus do Smithsonian só costumam fechar no Natal. Mas é sempre bom conferir os horários de funcionamento do que pretende visitar durante sua viagem. Abç

  5. Olá Thyl,
    Adorei seu blog, muito bom!!
    Preciso de ajuda, vou viajar no dia 13/10, agora na próxima segunda-feira e ainda não comprei minha passagem de trem para passar um dia em Washington DC.
    Também não comprei o Bus Sightseeing para NY and Washington.
    Eu queria saber se vou pagar o trem lá muito mais caro do que pelo site, que no caso já compraria daqui, no mesmo site que vc comprou e indica, e quanto ao bus sightseeing devo comprar na hora mesmo ou com antecedência, embora eu já esteja super em cima da hora. Achei o site do trem complicado, ou então é muito caro mesmo,rs.
    Espero teu retorno, obrigada.

    • Olá Monica,
      Obrigada, fico feliz que tenha gostado do blog.
      Olha, nós compramos a viagem de trem antecipada porque tinha medo de não conseguir mais disponibilidade na hora. Realmente não sei se o preço lá é diferente porque não fui atrás dos valores no local. Mas o site não é complicado não. Pode ser só impressão. Eu acredito que os valores não mudem muito da compra online para a compra no local. O problema pode ser conseguir lugar disponível deixando pra última hora. Mas por outro lado, dá mais flexibilidade de acertar o dia da viagem. Qdo fomos, choveu o dia todo. Se não tivesse comprado antecipado e tivesse visto a previsão do tempo, podia ter mudado o dia da ida para Was-DC. Então é muito relativo. Eu sou do time que gosta de viajar com o máximo de coisa já acertada, isso funciona bem pra mim, mas pra outras pessoas não. Eu recomendo comprar antecipado no caso de garantir a viagem, entende? Qto ao Sightseeing, apesar de termos comprado tb antecipado, já acho que não tem a necessidade depois que fui e vi como funciona. Dá para deixar tranquilamente para comprar na hora.
      Boa viagem e aproveite bastante!!

  6. Boas dicas. Obrigado!

  7. Mariana

    Bom dia,
    É ruim fazer esse bate-volta num domingo?
    Vi que o tour que vc indicou tem quatro rotas: vermelha, azul, amarela e verde. Qual vc indica se eu chegar em Washington por volta de 11AM?
    Que horas vc indica para pegar o trem de volta?
    Bjs

    • Oi Mariana,
      Não consigo ver diferença entre ir num domingo em relação a qualquer outro dia da semana. Os museus em Was-DC abrem todos os dias. A não ser que vc queira ir a algum lugar específico que não abra domingo, mas não consigo agora lembrar nada lá que não funcione diariamente (é bom confirmar nos sites oficiais). Esse tour que nós fizemos já vinha incluído todas as 4 rotas. A principal, sem dúvida, é a vermelha, que sai da Union Station e faz a parte do The Mall, tendo várias paradas próximas aos museus. Mas vc chegar só às 11h não é tarde? Eu recomendaria chegar mais cedo ou vai aproveitar muito pouco. Um bate e volta já é cansativo e WAS-DC tem muita coisa legal para conhecer. Serve apenas para dar uma conhecida geral na cidade, mas o ideal seria mais de 1 dia. Portanto, num bate e volta, melhor chegar logo na abertura dos museus para poder conhecer mais. Nós voltamos já de noite (não lembro a hora exata, mas era por volta de 20h), chegando a NY quase meia noite, mas aproveitamos bem o dia, que teria sido ainda melhor se a chuva não tivesse atrapalhado tanto.
      Bjs
      Thyl

  8. Fabiano Roncoletta

    Oi, estaremos em NY em dezembro e pretendemos, eu é minha família, ir a Washington DC de trem, reparei que o custo de um trem êh mais que o dobro do outro, vale a pena pagar mais caro?

    • Desculpa Fabiano, mas não sei se entendi sua pergunta. Você está se referindo ao trem que é mais rápido, faz o percurso num intervalo de tempo menor?? Se for isso, sinceramente, não acho que valha a pena. Se a diferença de valores não fosse grande, tudo bem, claro que numa viagem todo segundo é valioso. Mas a questão é que todo centavo (ou cents) tb é, certo? Se pegar o trem normal bem cedo como nós, vai chegar em Washington no horário que as atrações estão começando a funcionar. Então dá no mesmo. E a viagem em si achei bem rápida, nem sentimos, e tem wi-fi, o que facilita a passar o tempo. Eu confesso que nem cheguei a cogitar esse trem rápido pq não podia ir com criança, mas msm se pudesse, não sei se pagaria a mais por isso. Minha opinião. Respondi sua pergunta? Se não, é só falar.

  9. Isa

    Olá, Thyl! Acabei de comprar os meus tickets para fazer esse bate e volta inspirada no seu post! Já recebi o e-voucher e como faço para imprimir os tickets? vc tem mais detalhes? Pois me parece que a Penn station eh enorme, não? E no e-voucher não indica a plataforma nem nada desse tipo!

    Obrigada!!!

    • Oi Isa,
      imprimir os tickets é bem simples, pena que na época eu não tinha o blog e nem tirei foto das máquinas. Mas assim que você entrar no terminal, vai encontrar vários terminais eletrônicos da Amtrak. É como esses das empresas aéreas, como a Gol, em alguns aeroportos para fazer o autoatendimento do Check-in e tirar o bilhete de embarque. Precisa estar com o voucher pq vai pedir para ler o código de barras impresso. Aí é só seguir os passos, que são rápidos e simples, e o tickets é impresso na hora. Nesse tickets vem a plataforma para embarque e nos dirigimos para o número indicado. Depois foi só esperar o horário certo para embarcar. Quando fomos, tinha um funcionário na entrada da plataforma apenas olhando os tickets rapidamente, acho que pra confirmar se a pessoa estava na plataforma certa. Mas só há uma conferência mesmo do seu tickets já dentro do trem. Para embarcar, é só entrar em qq vagão e sentar em qq lugar. Não é marcado. Depois que o trem parte é que passa um funcionário pelos vagões conferindo os tickets dos passageiros. Achei bem tranquilo. E como fomos muito cedo, a Penn Station estava vazia, não tivemos problemas para nos localizar lá dentro. Espero ter ajudado. Qq outra dúvida, é só falar. 😉

  10. Lucimar Ventorim

    Ótimas dicas e fiquei com saudades e realmente, também fiz bate e volta e ficou o gostinho de quero mais! Bjim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: