Grand Central Terminal, Chrysler Building, New York Public Library, Bryant Park

Fomos caminhando do Milford Plaza para o Grand Central Terminal logo de manhã cedo. O Grand Central Está localizado na East 42nd Street, entre a Park e a Lexington Avenues. Não é uma longa caminhada, mas o problema foi o frio intenso. Nós não andávamos, praticamente corríamos. Tomamos café no próprio Grand Central que conta com várias opções de alimentação, além de cerca de 68 lojas e um mercado

Grand Central Terminal New York

Grand Central Terminal

Grand Central Terminal Nova Iorque

Fazem farra pra tudo!

O Grand Central Terminal é uma das maiores estações de trem do mundo, contando com 44 plataformas e 67 trilhos divididos em 2 andares subterrâneos. A arquitetura do prédio e o seu interior são incríveis. Logo na fachada podemos ver as colunas e as estátuas de Mercúrio, Minerva e Hércules em volta do relógio. Dentro, encontramos o enorme salão principal já muito visto em filmes. O teto é todo pintado reproduzindo o céu e as constelações. Dá vontade de ficar horas olhando para cima percebendo cada detalhe. Há três janelas de 23 metros de proporcional uma iluminação natural ao Main Concourse. Nós subimos as escadarias para fotos e passeamos por todo terminal. O Grand Central Terminal é gratuito e fica aberto ao público todos os dias das 5:30 às 2 da madrugada. Os horários das lojas, restaurantes e mercado podem variar (link). Existe a opção de fazer um audio tour por 8U$ disponível diariamente das 9h às 18h, ou um tour guiado de 75 minutos que custa 20U$ e ocorre todos os dias às 12:30h (link).

Salão Principal Grand Central Terminal New York

Salão Principal

Janelas para iluminação natural Grand Central Terminal New York

Janelas para iluminação natural

Main Concourse Grand Central Terminal New York

Main Concourse

O Teto do Grand Central Terminal New York

O Teto do Grand Central

Ao lado do Grand Central, fica o Chrysler Building, na 42nd St entre a Lexington e a 3rd Avenues. É um prédio de 77 andares e 320m que simboliza a época áurea da indústria automobilística. Sua construção foi iniciada em 1928, na mesma época que o Empire State Building e o Manhattan Bank, ocorrendo uma disputa entre as três construções por qual seria o mais alto arranha-céu de NYC e do mundo. Quando achava-se que o Chrysler Bldg havia perdido a disputa para o Manhattan Bank, eis que surge um plano escondido a sete chaves, a torre Art Déco feita de aço inoxidável lembrando a grade de radiador de uma automóvel, com tamanho equivalente a um prédio de 7 andares e que estava sendo construída em segredo dentro do hall dos elevadores do próprio edifício. Em 1930, o Chrysler foi inaugurado como o prédio mais alto do mundo, mas só ostentou tal título por 1 ano, já que em 1931 era inaugurado o Empire State Building.

O edifício é muito bonito e tem um super efeito quando a luz do sol reflete na torre. Logo abaixo dessa torre, ficam as gárgulas de aço inoxidável inspiradas nas águias que enfeitavam os capôs dos carros. Visualizamos melhor na visita ao Empire State Building. Ele não é um ponto turístico e sim um prédio comercial, de forma que não é permitido acesso aos andares. O lobby é aberto ao público em horário comercial, mas não pode tirar fotos. O saguão é luxuoso com mármore, aço cromado e granito.

Chrysler Building New York

Chrysler Building

Voltamos caminhando pela 42nd Street em direção ao Bryant Park. Claro que eu queria conhecer a biblioteca como um boa leitora compulsiva, mas ela ainda estava fechada. Acabamos tirando apenas fotos na frente. A New York Public Library é um edifício de mármore de 1911. Quem visitá-la por dentro, não deixe de ver os saguões com abóbadas marmorizadas e o enorme salão de leitura. Funciona todos os dias das 10h às 18h (terças e quartas fecha às 20h) e Domingo das 13h às 17h. A entrada é gratuita.

New York Public Library

New York Public Library

Biblioteca New York

Biblioteca

NY Public Library

NY Public Library

Logo atrás da New York Public Library fica o charmoso Bryant Park. Nessa época do ano ocorre uma feirinha de natal e a pista de patinação no gelo. O horário de funcionamento do parque varia de um mês para outro (link), mas nos meses de Novembro e Dezembro fica aberto todos os dias das 7h às 22h (e até meia noite na sexta e no sábado). O ringue de patinação é bem legal, menor que os do Central Park e Rockefeller Center, mas também muito mais tranquilo. Estava praticamente impossível conseguir patinar no Rockefeller. O marido, irmão e cunhada foram se aventurar no gelo e nós ficamos rindo muito de fora. A pista funciona de Novembro a Março todos os dias das 8h às 22h (até meia noite sexta e sábado) e a admissão é gratuita, pagando apenas o aluguel dos patins (15$), link.

Árvore de Natal do Bryant Park New York

Árvore de Natal do Bryant Park

Bryant Park New York

Patinação do gelo no Bryant Park

Bryant Park New York Bryant Park New York Bryant Park New York Bryant Park New York

Saindo do Bryant Park, caminhamos até o Rockefeller Center onde almoçamos e seguimos para o Museu de Arte Moderna, o MOMA, assunto do próximo post.

 
 
 
(Nos acompanhem também noFacebook      Twitter      Instagram)
 
_____________________________________________________________________________

Posts relacionados:

Radio City Music Hall Christmas Spectacular em Nova York

City Tour nos ônibus de 2 andares em Nova York

Roteiro – 6 dias em Nova York e 1 dia em Washington D.C.

Uma tarde no Central Park

Relatos – Dia 7: Sea World

Anúncios
Categorias: EUA, Nova York, Viajando | Tags: , , , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: